Baidu encerra acordo de US$3,6 bi para compra de unidade de transmissão ao vivo da chinesa JOYY

Por Summer Zhen

HONG KONG (Reuters) - A Baidu encerrou sua aquisição planejada de 3,6 bilhões de dólares do negócio de transmissão ao vivo da chinesa JOYY, listada na Nasdaq, conforme comunicado pela empresa nesta segunda-feira em documento apresentado à bolsa de valores de Hong Kong.

O fracasso do acordo lança sombra sobre a ambição da gigante de buscas Baidu em diversificar suas receitas. A empresa propôs adquirir o negócio de transmissão ao vivo de entretenimento em vídeo da JOYY na China, conhecido como YY Live, em 2020.

A afiliada da Baidu, Moon SPV Ltd, encerrou seu acordo de compra de ações com a JOYY porque as condições para o fechamento do negócio "não haviam sido totalmente satisfeitas" até o final de 2023, afirmou a Baidu em documento nesta segunda-feira.

As condições incluíam a obtenção das aprovações regulatórias necessárias das autoridades governamentais, disse a empresa.

A JOYY é uma plataforma chinesa líder de transmissão ao vivo que se expandiu globalmente, com 277 milhões de usuários globais ativos mensalmente.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes