Em ação inédita, Dourados (MS) promove primeira vacinação em massa contra dengue no Brasil

BRASÍLIA (Reuters) - A prefeitura de Dourados (MS) lançou nesta quarta-feira uma inédita ação de vacinação em massa contra a dengue no Brasil.

Segundo comunicado da prefeitura, a iniciativa foi desenvolvida pela Secretaria Municipal de Saúde em parceria com o laboratório japonês Takeda, responsável pelo desenvolvimento do imunizante Qdenga. A expectativa é que a ação atinja cerca de 150 mil moradores entre 4 e 59 anos.

A distribuição do primeiro lote de 90 mil doses já entregues pelo laboratório japonês como parte do acordo com o município começou nesta manhã. Há a necessidade de uma segunda aplicação, três meses depois.

O município, distante cerca de 220 quilômetros da capital Campo Grande, já detectou uma surpreendente procura pelo imunizante no primeiro dia, de acordo com o governo municipal.

“A vacina chegou por volta das 8h30 da manhã e já tínhamos mais de 20 pessoas na espera, inclusive algumas acima de 60 anos, que, infelizmente, estão fora da faixa etária que é o foco desta ação”, disse a coordenadora de uma unidade de saúde, Rosália Ferreira dos Santos, no comunicado.

No dia 21 de dezembro, o Ministério da Saúde anunciou a incorporação da vacina Qdenga no Sistema Único de Saúde (SUS), tornando o Brasil o primeiro país do mundo a oferecer o imunizante no sistema público universal.

Entretanto, em um primeiro momento, a vacina não será utilizada em larga escala no plano nacional, uma vez que o laboratório fabricante afirmou na ocasião que tem uma capacidade restrita de fornecimento de doses. Por isso, a vacinação será focada em público e regiões prioritárias.

(Reportagem de Ricardo Brito)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes