Preços do petróleo sobem com tensões no Oriente Médio

Por Erwin Seba

HOUSTON, Estados Unidos (Reuters) - Os preços do petróleo subiram nesta sexta-feira, quando o secretário de Estado dos Estados Unidos, Antony Blinken, iniciou uma viagem de uma semana no Oriente Médio, na tentativa de conter as tensões regionais alimentadas pelo conflito Israel-Hamas.

Os futuros do petróleo Brent fecharam em alta de 1,17 dólar, ou 1,51%, a 78,76 dólares por barril, enquanto os futuros do petróleo West Texas Intermediate (WTI) dos EUA terminaram em alta de 1,62 dólar, ou 2,24%, a 73,81 dólares.

Ambos os índices de referência terminaram a primeira semana do ano em alta, em recuperação após perdas de quinta-feira desencadeadas por fortes aumentos nos estoques de gasolina e derivados nos EUA.

"Com as tensões no Médio Oriente, o prêmio comercial geopolítico tem de ser aumentado", disse John Kilduff, sócio da Again Capital. "É difícil para os traders lutarem contra as manchetes."

A gigante da navegação Maersk disse que desviará todos os navios do Mar Vermelho num futuro próximo, alertando os clientes sobre interrupções.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes