Amazon supera estimativas de vendas com força da nuvem

Por Akash Sriram e Greg Bensinger

(Reuters) - A Amazon.com superou nesta quinta-feira as expectativas de receita para o quarto trimestre, devido ao crescimento robusto dos gastos online durante a temporada crítica de compras de fim de ano, fazendo com que suas ações subissem 5% após o fechamento do mercado.

Apesar do bom desempenho, a Amazon começou o ano eliminando empregos em várias divisões. Os planos de adquirir a iRobot por 1,4 bilhão de dólares foram frustrados pelos órgãos reguladores europeus.

A Amazon Web Services (AWS), o maior provedor de serviços em nuvem do mundo, obteve uma receita de 24,2 bilhões de dólares no quarto trimestre, em comparação com as expectativas dos analistas de 24,26 bilhões de dólares.

Em um comunicado, o presidente-executivo da AWS, Andy Jassy, destacou o "foco contínuo de longo prazo da unidade nos clientes e na entrega de recursos", citando esforços para incorporar a IA generativa em muitos de seus serviços. Os novos recursos "estão começando a se refletir em nossos resultados gerais", disse ele.

No que foi visto como um estímulo para as empresas de comércio eletrônico, os consumidores foram atrás de bens e serviços durante feriados de fim de ano, apesar das altas taxas de juros, conforme mostrou um relatório do Departamento de Comércio na semana passada.

Enquanto isso, o crescimento da Alphabet e das unidades de nuvem da Microsoft superou as expectativas do mercado, pois os clientes queriam testar novos recursos de IA e criá-los para seus próprios aplicativos.

A receita no quarto trimestre aumentou 14%, para 170 bilhões de dólares, superando a estimativa média dos analistas de 166,21 bilhões de dólares, de acordo com dados da LSEG.

O lucro ajustado de 1 dólar por ação superou a estimativa média de 0,80 dólar por ação

Continua após a publicidade

A empresa previu uma receita para o trimestre atual de 138 bilhões a 143,5 bilhões de dólares. Os analistas consultados pela LSEG esperam 142,13 bilhões de dólares.

(Reportagem de Akash Sriram, em Bengaluru, e Greg Bensinger, em São Francisco)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes