ONS reduz previsão de crescimento da carga de energia a 4,5% em fevereiro

SÃO PAULO (Reuters) - O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) estima um crescimento de 4,5% para carga de energia elétrica no Brasil em fevereiro, com redução de 1 ponto percentual frente à projeção da semana anterior, segundo boletim publicado nesta sexta-feira.

O órgão também fez ajustes para baixo em suas previsões para o volume de chuvas que devem chegar às hidrelétricas em fevereiro nos subsistemas Sudeste/Centro-Oeste (69% da média histórica, ante 71% previstos na semana anterior) e Sul (72%, ante 77%).

Para o Nordeste, a previsão de chuvas foi elevada a 72% da média histórica em fevereiro (ante 61% na semana anterior), enquanto para o Norte a estimativa foi mantida em 102% da média.

O ONS também estimou que o nível de reservatórios das hidrelétricas do Sudeste/Centro-Oeste alcançará em 67,4% ao final de fevereiro, um pouco abaixo dos 68,2% previstos para o período na semana anterior.

(Por Letícia Fucuchima)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes