Inflação dos EUA pode continuar a cair em meio a uma economia forte, diz Goolsbee, do Fed

(Reuters) - O Federal Reserve não precisa se preocupar excessivamente com os recentes números de crescimento econômico e de emprego acima do esperado, desde que a inflação norte-americana continue a apresentar uma tendência de volta para a meta de 2% do banco central dos Estados Unidos, disse o presidente do Fed de Chicago, Austan Goolsbee, nesta segunda-feira.

"Se continuarmos a receber números fortes... de emprego, de crescimento do Produto Interno Bruto e a inflação cair, teremos de considerar a possibilidade de estarmos entrando em um período como o de meados e final dos anos 90", disse Goolsbee em uma entrevista à Bloomberg TV.

"Eles não precisam significar um superaquecimento no sentido tradicional se o lado da oferta estiver se movimentando... portanto, isso oferece novas possibilidades para a política monetária que são mais positivas do que em um quadro normal impulsionado pela demanda", acrescentou Goolsbee.