IGP-DI recua em janeiro com menor efeito sazonal na inflação ao produtor, diz FGV

Por Luana Maria Benedito

SÃO PAULO (Reuters) - O Índice Geral de Preços-Disponibilidade Interna (IGP-DI) caiu 0,27% em janeiro, ante elevação de 0,64% no mês anterior, com menor efeito da sazonalidade na inflação ao produtor, especialmente no setor agropecuário, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta terça-feira.

A queda registrada pelo índice neste mês marcou a taxa de variação mais baixa desde julho de 2023, quando o índice havia registrado recuo de 0,40%. Além disso, levou o IGP-DI a acumular baixa de 3,61% em 12 meses.

O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA-DI), que responde por 60% do indicador geral, caiu 0,59% em janeiro, deixando para trás a alta de 0,79% vista em dezembro. Entre seus componentes, os Produtos Agropecuários apresentaram queda de 1,48% em janeiro, ante salto de 3,64% no final do ano passado.

"Essa redução marcou o fim da tendência de aceleração na variação de preços que começou em outubro", disse André Braz, coordenador dos índices de preços.

"A partir de janeiro, observou-se uma diminuição nos efeitos sazonais e, considerando as precipitações nas áreas produtivas, os danos previstos pelo El Niño parecem ser menos severos do que o esperado. Essa perspectiva é reforçada pela tendência de queda nos preços de commodities significativas, como a soja e a cana-de-açúcar."

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que responde por 30% do IGP-DI, por outro lado, subiu 0,61% em janeiro, acelerando ante alta de 0,29% no mês anterior.

O grupo Educação, Leitura e Recreação, componente do IPC, acelerou a alta de 0,42% para 2,59% neste mês, sob efeito da disparada de 6,65% dos cursos formais, comportamento comum no início do ano. Outro destaque foi o grupo Alimentação, que foi de alta de 1,01% em dezembro para avanço de 1,54% em janeiro, com salto de 10,08% nas hortaliças e legumes.

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC), por sua vez, subiu 0,27% em janeiro, ante 0,31% no mês anterior.

Continua após a publicidade

O IGP-DI calcula os preços ao produtor, consumidor e na construção civil entre o 1º e o último dia do mês de referência.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes