Minério de ferro cai com temor sobre demanda da China e menor estocagem antes do feriado

CINGAPURA (Reuters) - Os contratos futuros de minério de ferro fecharam em queda nesta terça-feira, arrastados pela diminuição do reabastecimento do produto antes do feriado entre as siderúrgicas e pela perspectiva sombria de demanda na China, principal mercado consumidor do minério, que está enfrentando uma crise imobiliária e tombo do mercado de ações.

O minério de ferro de maio mais negociado na Bolsa de Mercadorias de Dalian (DCE) da China, encerrou as negociações do dia com perda de 0,63%, a 939 iuanes (130,57 dólares) por tonelada, fora das mínimas alcançadas pela manhã.

O minério de ferro de referência de março na Bolsa de Cingapura caía 0,75%, a 125,15 dólares por tonelada, o valor mais baixo desde 18 de janeiro.

Não houve nenhuma mudança drástica nos fundamentos recentemente, e o mercado de minério tem sido mais influenciado pelo sentimento do mercado macro, disseram os analistas da Everbright Futures em uma nota.

O que pressiona ainda mais para baixo o mercado de minério é a demanda morna por aço devido ao clima e à redução da atividade de estoques antes do feriado de uma semana do Ano Novo Lunar, que começa em 10 de fevereiro.

"Com o feriado que se aproxima, a estocagem de matérias-primas entre as usinas siderúrgicas basicamente terminou. A atividade do mercado ficará paralisada", disseram os analistas da consultoria Shanghai Metals Market em uma nota de pesquisa.

O enfraquecimento dos preços ocorreu apesar de mais incorporadoras imobiliárias em dificuldades na China terem tido seus projetos adicionados às chamadas listas brancas das autoridades locais, refletindo a rápida expansão de uma política governamental destinada a injetar liquidez no setor atingido pela crise.

Mas a relutância dos bancos em conceder empréstimos ao setor é um grande obstáculo para as incorporadoras que mais precisam de recursos.

Outros ingredientes siderúrgicos na Bolsa de Dalian tiveram comportamentos mistos, com o carvão metalúrgico subindo 0,18%, enquanto o coque caiu 0,32%.

Continua após a publicidade

(Reportagem de Cassandra Yap e Amy Lv)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes