Mercado de celulose se mantém em tendência positiva, diz Klabin

SÃO PAULO (Reuters) - A Klabin avalia que o mercado de celulose global se mantém com tendências positivas após sucessivos aumentos de preços pelos fabricantes nos últimos meses, afirmou o diretor de celulose da companhia, Antônio Nicolini, nesta quinta-feira.

"A tendência é positiva para as três fibras do ponto de vista de demanda e preços. A visão do trimestre permanece muito positiva", disse o executivo, durante conferência com analistas após a publicação dos resultados da Klabin na noite da véspera.

O diretor de papéis da companhia, José Soares, disse que, após um período de relativa estabilidade nos preços, a impressão é que está se construindo condições para aumentos no segundo trimestre. "Saímos de um cenário de preços estagnados."

Soares citou ainda que o segmento de papéis tem sido favorecido em parte pelo clima no Brasil, cujas temperaturas elevadas têm incentivado o consumo de cerveja e, por consequência, de embalagens de papel para cerveja. No exterior, a companhia tem sido ajudada pelos problemas logísticos gerados pela crise geopolítica na região do Mar Vermelho.

"Temos aumento de demanda da região da Ásia, o que está dando aumento de exportação de cartão", disse Soares.

Questionado sobre as projeções da Klabin publicadas na véspera, de Ebitda incremental de cerca de 3 bilhões de reais até 2027, o presidente-executivo da companhia, Cristiano Teixeira, afirmou que a empresa tem "muita segurança".

"Não viríamos falar da forma como falamos se não tivéssemos segurança (nas projeções)", disse o executivo.

(Por Alberto Alerigi Jr.; )

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes