PIB do 4o tri é compatível com perspectiva de atividade maior no início de 2024, diz Fazenda

BRASÍLIA (Reuters) - O resultado do Produto Interno Bruto no quarto trimestre de 2023, com estagnação frente ao trimestre anterior, é compatível com perspectiva de maior ritmo de expansão da atividade nos três primeiros meses deste ano, avaliou a Secretaria de Política Econômica do Ministério da Fazenda nesta sexta-feira.

A SPE ponderou que a indústria voltou a avançar no último trimestre do ano passado, enquanto o ritmo de serviços deixou de desacelerar.

"Por ora, a expectativa de crescimento da SPE para o PIB de 2024 é de 2,2%", disse a secretaria em nota, prevendo um crescimento mais homogêneo entre atividades impulsionadas pelo patamar menos contracionista dos juros e as atividades não-cíclicas.