Azul diz que não negociou qualquer acordo em meio à notícia sobre possível oferta à Gol

Por Patricia Vilas Boas

SÃO PAULO (Reuters) - A Azul disse que está sempre atenta a possíveis oportunidades de parcerias, mas que, até o momento, não negociou nem aprovou qualquer transação específica, após ser questionada sobre notícia de possível oferta à Gol, que está em recuperação judicial nos Estados Unidos.

"A Azul, ciente de sua responsabilidade fiduciária, está sempre atenta às dinâmicas estratégicas do setor aéreo e a possíveis oportunidades de parcerias, podendo como prática regular contratar consultores para apoiar a empresa nesses esforços", afirmou a empresa à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).