Operadores mantêm apostas em corte de juros pelo Fed em junho após dados econômicos

(Reuters) - Os preços ao produtor mais fortes do que o esperado e gastos do consumidor mais fracos, divulgados nesta quinta-feira, pouco fizeram para alterar as apostas do mercado financeiro sobre o início dos cortes na taxa de juros pelo Federal Reserve em junho, com base nos contratos futuros.

As autoridades do Fed, que se reunirão na próxima semana, estão buscando dados que lhes deem mais confiança de que a inflação está a caminho de sua meta de 2%, o que lhes permitirá começar a reduzir os juros.

A expectativa geral é de que eles mantenham a taxa na faixa de 5,25% a 5,5% até a reunião de meados de junho, com mais dois cortes até o final do ano.