Câmara aprova projeto de depreciação acelerada

(Reuters) - A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira projeto de lei apresentado pelo Poder Executivo que concede incentivo fiscal na depreciação de máquinas e equipamentos novos incorporados ao ativo de empresas de setores a serem definidos por decreto, segundo a Agência Câmara de Notícias.

Conhecida como depreciação acelerada, essa vantagem contábil permite um ganho de caixa nos anos iniciais, com um reconhecimento da despesa de depreciação em um menor período de tempo, diminuindo a base de cálculo do Imposto de Renda das pessoas físicas e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) nos anos iniciais.

O deputado Mauro Benevides Filho (PDT-CE), que leu a proposta no plenário, defendeu o projeto -- que reduz de 10 para dois anos a depreciação de bens -- como um "incentivo fundamental" para a troca de equipamentos da indústria.