Bolsas

Câmbio

Dólar opera perto da estabilidade, na casa de R$ 3,28

O dólar tem leve alta e os juros futuros de longo prazo ganham prêmio nesta sexta-feira, caminhando para encerrar uma semana marcada por ajustes às expectativas para a política monetária e a incertezas locais.

Os DIs registraram ontem o maior volume do mês, na esteira de um reposicionamento de investidores à indicação do Banco Central (BC) de que a taxa básica de juros pode demorar mais para subir.

No câmbio, realização de lucros, busca por proteção em meio a incertezas corporativas e saídas de recursos ditaram a alta do dólar ontem e ajudam a sustentar a moeda com leves ganhos também hoje.

A questão fiscal segue no radar. O governo divulga hoje o Relatório Bimestral de Receitas e Despesas, que analisa o comportamento das despesas e receitas de forma a garantir o cumprimento da meta de resultado primário estabelecida na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

Às 9h39, o dólar comercial operava perto da estabilidade, a R$ 3,2812, alta de 0,01%. Na semana, a cotação sobe 0,79%.

O dólar futuro para agosto, ativo da BM&F ligado a câmbio mais líquido do mercado local, subia 0,14%, a R$ 3,2880.

Nos juros, o DI janeiro de 2017 marcava 13,940%, frente a 13,945% no ajuste anterior. O DI janeiro de 2018 apontava 12,800%, contra 12,780% no último ajuste. E o DI janeiro de 2021 subia a 12,020%, em relação a 11,970% no ajuste da véspera.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos