Bolsas

Câmbio

Mercado espera inflação mais alta e juro maior em 2016

(Atualizada às 8h59) Depois de oscilar em torno de 7,20% por algumas semanas, a expectativa do mercado para a alta do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) deste ano mudou de patamar e agora está em 7,31%, de acordo com o boletim Focus, do Banco Central (BC).

Esse ajuste reflete um IPCA bem acima do esperado em julho, que também fez os analistas alterarem a expectativa para a taxa básica de juro, a Selic, ao fim de 2016, de 13,50% para 13,75%. Atualmente, essa taxa está em 14,25%. Para o fim de 2017, a aposta segue em 11%.

A expectativa do mercado para a inflação em 2017 seguiu em 5,14%. Em 12 meses, a estimativa saiu de 5,48% para 5,42%. Entre os analistas Top 5, aqueles que mais acertam as projeções e que estavam vem mais otimistas antes do resultado do IPCA de julho, a mediana de médio prazo para o avanço do indicador em 2017 passou de 4,97% para 5,25%. Esse grupo também revisou de forma mais contundente a alta do IPCA em 2016, de 7,20% para 7,41%, mas não alterou as estimativas para a Selic ao fim deste calendário (13,75%) e do próximo ano (11,25%).

No caso da atividade, os analistas consultados pelo BC atualizaram sua projeção para o desempenho do Produto Interno Bruto (PIB) deste ano, de queda de 3,23% para retração de 3,20%. Para 2017, segue a estimativa de crescimento de 1,1%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos