Bolsas

Câmbio

Airbus vence contrato de 200 milhões de euros em projeto da Nasa


A Airbus Defence and Space, segunda maior empresa espacial do mundo, assinou contrato com a Agência Espacial Europeia (ESA, na sigla em inglês) para a construção do segundo módulo de serviço europeu (ESM), que fará parte da nave espacial Orion, da Nasa, agência espacial americana. O contrato vale cerca de 200 milhões de euros, informou a companhia.


O ESM é um elemento-chave da Orion, a nave espacial da nova geração que levará, pela primeira vez desde o fim do programa Apollo, os astronautas para além da órbita baixa terrestre. O módulo fornece propulsão, potência e controle térmico, além de garantir aos astronautas água e oxigênio para suas missões mais distantes, como para Marte.


A ESA selecionou a Airbus Defence and Space como principal fabricante para o desenvolvimento e construção do primeiro ESM, em novembro de 2014.


Cerca de duas mil peças e componentes serão instalados no modelo de voo ESM, desde equipamentos elétricos a motores de foguetes, painéis solares, tanques de combustível e materiais de suporte de vida. A integração do primeiro modelo de voo está em pleno andamento desde maio de 2016, enquanto a integração do segundo está prevista para meados do próximo ano.


O segundo voo de teste da nave espacial Orion e o primeiro voo com o foguete Space Launch System, da Nasa, são conhecidos como Exploration Mission 1. Essa missão levará o veículo espacial não tripulado a mais de 64 mil quilômetros além da Lua, a fim de demonstrar o desempenho da nave espacial.


A primeira missão com tripulação ? Exploration Mission 2 ? deverá ocorrer já em 2021.


O projeto da nave espacial Orion permite que os astronautas sejam transportados para lugares no espaço mais distantes. A espaçonave transporta a tripulação para o espaço, possui ejeção da cápsula de emergência, que permite um suporte de vida para a tripulação durante o voo e um retorno mais seguro para a atmosfera terrestre, mesmo em velocidade extremamente alta.


Segundo nota da Airbus Defence and Space, com missões planejadas para além da Lua, incluindo para um asteroide redirecionado para a órbita lunar, a Nasa está se capacitando a enviar humanos a Marte, e inaugurar uma nova era de pesquisa espacial que está começando.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos