PUBLICIDADE
IPCA
1,25 Out.2021
Topo

Conselho de administração da Eletropaulo propõe ida para Novo Mercado

23/02/2017 20h39

O conselho de administração da Eletropaulo aprovou nesta quinta-feira uma proposta de migração da companhia para o Novo Mercado, segmento de listagem da BM&FBovespa com maior nível de governança. A proposta, que teve o respaldo dos controladores da companhia ? AES Brasil e BNDESPar ? será submetida aos demais acionistas.


Em fato relevante, a Eletropaulo disse que a iniciativa tem como objetivos aumentar a governança, a transparência e a capacidade de investimento necessária para fomentar o seu crescimento, "na medida que em facilita novas captações pela companhia e espera-se que reduza seu custo de capital", além de potencializar a liquidez das ações negociadas, aumentando a atratividade para novos investidores.


Esse é mais um passo dado pela Eletropaulo na simplificação de sua estrutura societária. Seguindo o exemplo da AES Tietê, que fez uma reestruturação em 2015, a distribuidora de energia concluiu, no fim do ano passado, uma reorganização que fez com que AES Brasil e BNDESPar passassem a ser sócios diretos da empresa ? antes essa participação era intermediada pela Brasiliana e pela AES Elpa.


Atualmente, a AES Brasil tem 50,51% das ações ON da Eletropaulo, representando 16,8% do total. Já a BNDESPar tem 22,5% das ON e 16,8% das PN, somando 18,7% do total. Caso a conversão das preferenciais em ordinárias seja aprovada, as duas controladoras da distribuidora passarão a ter, respectivamente, 16,8% e 18,7% das ações ON, tornando a estrutura de capital da companhia mais pulverizada.

PUBLICIDADE