Bolsas

Câmbio

Taxas de juros futuros fecham em queda nesta quarta

As taxas dos contratos futuros de juros encerraram o pregão de hoje em queda, conforme cresceu a aplicação de estrangeiros nesse mercado, atraídos por percentuais lucrativos.


Mas o que dominou as atenções de investidores nesta quarta-feira foram as discussões sobre os possíveis sucessores de Michel Temer, se este não se mantiver no poder. Nomes como os de Rodrigo Maia (presidente da Câmara dos Deputados), Tasso Jereissati (presidente do PSDB e senador) e Nelson Jobim (ex-ministro da Justiça e da Defesa) estão entre os citados. Também o atual ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, aparece nos debates entre analistas.


De qualquer forma, a expectativa dos agentes é que venha um nome capaz de dar sequência à agenda de reformas. "No fim, é apenas isso que importa", diz o profissional de uma asset em São Paulo.


Ao fim do pregão regular, às 16h, o DI janeiro/2018 cedia a 9,560% (9,605% no último ajuste).


O DI janeiro/2019 recuava a 9,660% (9,890% no ajuste de ontem).


O DI janeiro/2021 tinha queda a 10,620% (11,030% no ajuste da véspera).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos