Bolsas

Câmbio

Juros futuros fecham em alta nesta sexta-feira

O mercado de juros futuros da B3 teve uma sessão morna nesta sexta-feira, mas fecha a semana com um desenho que deixa clara a diferença de percepção de investidores sobre a política monetária e a perspectiva para a agenda de reformas.Enquanto os DIs mais curtos recuaram em relação aos patamares de sexta-feira da semana passada, as taxas longas subiram, neste caso com maior demanda do mercado por juros extras.


O gatilho para a piora do mercado ocorreu na terça-feira, quando a Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado Federal rejeitou relatório da reforma trabalhista. O resultado da votação foi inesperado pelo governo e despertou renovados temores sobre a capacidade do Planalto de avançar com a agenda de reformas.


No mercado, os comentários eram de surpresa com a derrota por se tratar de matéria considerada mais simples. Isso elevou as preocupações em torno das negociações para a reforma da Previdência, que exige mais poder de fogo do governo.


Entre as taxas curtas, porém, os sinais do Banco Central de que o caminho para queda dos juros está dado prevaleceram. Em entrevista ao Valor, o presidente do BC, Ilan Goldfajn, destacou a surpresa "positiva" com as leituras mais baixas de inflação ao dizer: "quebramos a espinha dorsal da inflação".


As declarações de Ilan corroboraram comentários feitos por ele mesmo dias antes e endossaram conteúdo do Relatório Trimestral de Inflação (RTI) divulgado ontem. Para o mercado, o documento amenizou a possibilidade de corte de 0,75 ponto percentual da Selic em julho.Nesta sexta-feira, porém, os juros mostraram viés de alta, apoiados pelo IPCA-15 de junholevemente acima do esperado.


Ao fim do pregão regular, às 16h, o DI janeiro/2018 subia a 8,995% (8,975% no ajuste anterior). Na semana, no entanto, a taxa registra queda de 9,5 pontos-base.O DI janeiro/2019 avançava nesta sexta-feira a 9,000% (8,980% no último ajuste), mas acumula recuo de 7 pontos na semana.


Por outro lado, o DI janeiro/2021 subiu 13 pontos-base nesta semana. Apenas hoje, a alta foi de 3 pontos frente ao ajuste de ontem: de 10,180% para 10,210%.O DI janeiro/2023 tinha alta a 10,680%, frente a 10,660% do ajuste de ontem. Na semana, esse DI aumentou 20 pontos-base.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos