Ibovespa tem leve alta, mas giro financeiro é fraco

Em meio à espera pela votação da reforma trabalhista na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado e àa cautela com a evolução da crise política, o Ibovespa registrava volatilidade no pregão de hoje. Às 15h40, o índice subia 0,43% aos 61.942 pontos e tinha giro financeiro de R$ 3,1 bilhões, projetando R$ 4,2 bilhões para o final do dia.


As incertezas políticas recentes levaram a equipe de estrategistas do Itaú BBA, liderada por Lucas Tambellini, a fazer ajustes finos na carteira de ações defensivas. Saíram Embraer e Hypermarcas e entraram Petrobras e Pão de Açúcar. Em relatório distribuído a clientes, Tambellini escreve que a pauta de reformas estruturais permanece incerta, o que levou à atualização do Ibovespa para 62.300 pontos até o final do ano. A carteira defensiva tem ações do Bradesco, Energias do Brasil, Minerva, Pão de Açúcar, Petrobras, Sabesp, Suzano Papel e Celulose, Telefônica Brasil, Ultrapar e Vale.


A equipe de estrategistas do BTG Pactual, liderada por Carlos Sequeira, também reviu a carteira de ações e diminuiu a exposição em papéis da Equatorial, Klabin e BR Foods. Em relatório distribuído a clientes, os estrategistas consideram que teve início um longo período de incerteza política, com implicações para o crescimento econômico. "A aprovação da reforma da previdência, no formato atual, é um desafio extremamente difícil", escreveram.


Há pouco, o ministro Edson Fachin, relator da operação Lava-Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), informou que vai enviar a denúncia apresentada pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o presidente Michel Temer direto para a Câmara dos Deputados.


Entre as ações mais negociadas, os destaques de alta estavam com os papéis das companhias siderúrgicas, que acompanhavam a valorização do preço do minério de ferro no mercado internacional. A tonelada subiu 4,4% para US$ 62,33 a tonelada, em Qingdao, na China. As ações da Gerdau Metalúrgica subiam 5,58%, os papéis da Cemig tinham alta de 4,56%, as ações ordinárias da Vale subiam 3,04% e os papéis PNA da mineradora tinham alta de 1,95%.


As ações ordinárias da Kroton subiam 4,40% e os papéis da Estácio recuavam 0,61%. O Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) julga logo mais a fusão das duas empresas. A expectativa é de que o órgão não aprove o negócio.


Os papéis do sistema financeiro, que chegaram a cair durante a manhã, operavam com valorização. A maior alta estava com as ações do Banco do Brasil, que subiam 1,15%. No começo do dia, o Banco Central (BC) informou que a inadimplência nas operações de empréstimo e financiamento subiu 0,1 ponto em maio, para 4%. Houve a redução de 1,1 ponto no spread médio das transações, para 21,2 pontos percentuais.


28/06/2017 15:38:54

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos