Bolsas

Câmbio

Acionistas da Prumo rejeitam novo laudo de avaliação da oferta pública

A Prumo Logística confirmou nesta quinta-feira (13) que a elaboração de um novo laudo de avaliação, no âmbito da Oferta Pública de Ações (OPA) da empresa, foi rejeitada na assembleia geral de acionistas realizada hoje.


O desfecho da reunião foi antecipado pelo Valor PRO, serviço de informação em tempo real do Valor.


Em fato relevante, a Prumo informa que a rejeição se deu pela maioria dos votos dos acionistas presentes na assembleia. A reunião havia sido suspensa na terça-feira (11) após pedido do Itaú Unibanco, dono de 4,75% da companhia. O voto do banco foi primordial para o resultado da assembleia retomada nesta quinta-feira, disseram fontes.


Na segunda-feira (10), a Prumo informou que seus controladores concordaram em aumentar o preço da OPA de R$ 10,53 para R$ 11,50. No documento, a empresa informou que o Itaú Unibanco declarou votar a favor da operação e vender seus papéis se a oferta fosse elevada ao menos a R$ 11,50.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos