Bolsas

Câmbio

BNDES terá saída líquida de R$ 34 bi do caixa no ano em favor da União

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) terá um fluxo líquido negativo de cerca de R$ 34 bilhões neste ano, considerando a entrada e a saída de recursos entre o banco e a União, mostrou presidente da instituição, Paulo Rabello de Castro, ao apresentar o Livro Verde, um balanço das atividades do banco entre 2001 e 2016, nesta sexta-feira.


Os números do livro mostram uma projeção de entradas de R$ 25,3 bilhões, considerando diversas rubricas, sendo a principal delas o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), mas também o Fundo Nacional de Desenvolvimento (FND), o Fundo da Marinha Mercante (FMM), dividendos da Eletrobras e recebíveis de Itaipu, além da equalização de juros.


Pelo lado da saída de recursos em favor da União, a projeção do Livro Verde é de quase R$ 60 bilhões este ano, incluindo pagamentos ao FAT, FND, FMM, FGTS, dívidas com Tesouro Nacional, devolução PIS/PASEP, tributos, dividendos, cessão de crédito da Eletrobras e programas governamentais, entre outros.


Em 2016, esse fluxo entre BNDES e União foi negativo em R$ 128,1 bilhões, em função da devolução antecipada de R$ 119,3 bilhões ao Tesouro Nacional.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos