Lucro da American Airlines cai 15,5% no trimestre, mas supera previsão

A companhia aérea American Airlines registrou lucro líquido de US$ 803 milhões no segundo trimestre, queda de 15,5% sobre um ano antes, principalmente devido ao aumento de despesas operacionais.O lucro ajustado por ação atingiu US$ 1,92, acima da média de US$ 1,85 prevista por analistas consultados pela FactSet.


A forte demanda de passageiros e a melhora de rentabilidade levaram a um crescimento de 7,2% da receita líquida, para US$ 11,1 bilhões. A companhia informou boa rentabilidade com passageiros nos Estados Unidos, América Central, América do Sul e região do Caribe.


As despesas operacionais somaram US$ 9,6 bilhões de abril a junho, alta de 11,1% sobre um ano antes, devido principalmente ao aumento de gastos com combustível e com salários e benefícios trabalhistas.


A empresa estima investir US$ 4,1 bilhões em novas aeronaves neste ano, para renovar sua frota. No trimestre, aplicou US$ 1,1 bilhão em novos aviões para substituir modelos antigos.


O presidente-executivo da companhia, Doug Parker, disse estar "entusiasmado com as perspectivas para o segundo semestre de 2017, assim como 2018 e além".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos