Bolsas

Câmbio

Investimentos em tecnologia devem crescer 4,5% em 2018, estima Gartner

Apesar das incertezas que ainda rondam a saída do Reino Unido da União Europeia, o câmbio e a possibilidade de uma recessão global, as empresas continuarão a investir em tecnologia na expectativa de gerar mais receita. Segundo estimativa da empresa de pesquisa Gartner, os orçamentos terão um acréscimo de 4,5% em 2018, chegando a US$ 3,7 trilhões.


Iniciativas na área de negócios digitais, blockchain, internet das coisas e a evolução dos sistemas de análise de dados baseados no conceito de big data para a inteligência artificial serão os principais impulsionadores do crescimento.


O Gartner estima que a inteligência artificial, sozinha, vai gerar US$ 2,9 trilhões em novas oportunidades de criação de valor para as empresas até 2021, assim como recuperar 6,2 bilhões de horas de produtividade perdida com atividades repetitivas, ou com a geração de insights e novas fontes de receita.


Olhando para 2018, o segmento que apresentará o maior crescimento será a área de software, com 9,5%, para US$ 389 bilhões, na medida em que empresas investem mais no conceito de software como serviço (SaaS).A venda de dispositivos avançará 5,6%, segundo ano consecutivo de expansão depois de recuos em 2015 e 2016. A expectativa é que sejam gastos US$ 706 bilhões na compra de celulares e telefones. Os serviços de comunicação continuarão a ser a maior linha de gastos, com US$ 1,43 trilhão, crescimento de 2,4%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos