ipca
-0,09 Ago.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Dólar supera R$ 3,82 e juros futuros avançam com cena externa

27/06/2018 10h27

Os contratos de juros futuros operam em alta na B3, seguindo o humor negativo do exterior, onde as incertezas com a possibilidade de uma guerra comercial global pesa sobre os ativos.

No mais recente movimento, o presidente americano, Donald Trump, pareceu sugerir que pode arquivar a ideia de impor novas restrições a investimentos da China no setor de tecnologia dos Estados Unidos. A posição, agora, parece ser de confiar nos instrumentos já disponíveis para coibir aquisições - e mesmo roubo - de inovações americanas.

Nesse contexto, o dólar apresenta alta sobre moedas emergentes, inclusive o real, e coloca os DIs para cima. Às 10h22, a moeda americana marcava R$ 3,8250, elevação de 0,76%.

Os juros também refletem a decisão do Conselho Monetário Nacional (CMN) de fixar a meta de inflação em 3,75% para 2021. A decisão foi vista como ousada por uma parte dos economistas uma vez que a deterioração do cenário, com o difícil quadro fiscal do país e as incertezas a respeito da política econômica a ser conduzida pelo próximo governo, não permitiria um movimento de redução da meta.

O DI janeiro/2020 era negociado a 8,50% (8,41% no ajuste anterior) e oDI janeiro/2021 tinha taxa de 9,48% (9,39% no ajuste anterior). ODI janeiro/2025 tem taxa de 11,76% (11,68% no ajuste anterior).

Mais Economia