ipca
0,48 Set.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Ibovespa opera volátil; Petrobras sobe

27/06/2018 13h25

O Ibovespa oscila entre os campos positivo e negativo ao longo do dia, numa sessão marcada pelo bom desempenho das ações da Petrobras, que compensa as quedas vistas em alguns bancos e no setor varejista como um todo. O índice, em linhas gerais, não tem se afastado muito da estabilidade e se acomoda na faixa dos 71 mil pontos.

Por volta de 13h23, o Ibovespa recuava 0,31%, aos 71.164 pontos, após oscilar entre os 70.968 pontos (-0,61%) e os 72.032 pontos (+0,88%). O giro financeiro do índice soma R$ 3,9 bilhões em três horas de pregão, mas o volume de negociações deve cair durante a tarde, em função do jogo da seleção brasileira na Copa do Mundo.

Entre as blue chips, Itaú Unibanco PN (-0,56%) e Bradesco PN (-0,4%) seguem levemente no campo negativo, enquanto Banco do Brasil ON sobe 2% ? um operador diz que as ações do BB recuaram mais que os pares do setor financeiro, o que abre oportunidade de compra.

Por outro lado, Petrobras PN (+3,68%) e Petrobras ON (+3,2%) sobem forte, numa combinação de petróleo em alta, venda de ativos no Paraguai e de otimismo renovado com a cessão onerosa, após o Ministro de Minas e Energia, Moreira Franco, declarar que o projeto de lei que trata da revisão do contrato de cessão poderá render US$ 28 bilhões à estatal.

"O Ibovespa só não está mais negativo por causa da Petrobras", diz o operador. Com o desempenho de hoje, Petrobras PN acumula ganhos de 10,3% na semana, enquanto Petrobras ON avança 8%.

Ainda entre as quedas, destaque para Eletrobras ON (-3,8%), Eletrobras PNB (-4,57%), CCR ON (-2,9%) e Ecorodovias ON (-2,6%). No lado positivo, as exportadoras se beneficiam do dólar em alta, com Suzano ON (+1,3%), Fibria ON (+1%) e Vale ON (+0,2%) avançando.

Newsletters

Receba dicas para investir e fazer o seu dinheiro render.

Quero receber

Mais Economia