Bolsas

Câmbio

Empreendedorismo

Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://economia.uol.com.br/album/2012/07/03/conheca-empreendedoras-das-favelas-pacificadas.htm
  • totalImagens: 25
  • fotoInicial: 1
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20120703153123
    • Especial Empreendedorismo [60308]; Especial Empreendedorismo - Abra seu Negócio [60325]; Especial Empreendedorismo - Gerencie sua Empresa [60326];
Fotos

A empreendedora Andréia Miranda perto do mosaico com o rosto de Michael Jackson, feito pelo artista brasileiro Romero Britto, ao lado da estátua do cantor. A obra é uma homenagem ao astro pop que gravou um de seus videoclipes no Morro Santa Marta, em 1996. A banca de Miranda fica a menos de 50 metros do local Maria Elisa Franco/UOL Mais

A menos de 50m à frente de sua banca de souvenires, a empreendedora Andréia Miranda posa ao lado da estátua em bronze do cantor Michael Jackson. A obra é uma homenagem ao astro pop que gravou um de seus videoclipes no morro Santa Marta, em 1996 Maria Elisa Franco/UOL Mais

Logo pela manhã, a empreendedora Andréia Miranda embarca no bondinho do plano inclinado para acessar sua banca de souvenires, que fica na parte alta do Morro Santa Marta, na Zona Sul carioca. A comunidade foi a primeira a receber uma UPP (Unidade de Polícia Pacificadora), em dezembro de 2008. Ao fundo, o Cristo Redentor, um dos cartões postais da cidade Maria Elisa Franco/UOL Mais

Às 9h, ao lado do filho Igor, a empreendedora Andréia Miranda começa a abrir sua banca de souvenires no Morro Santa Marta, na Zona Sul carioca. A comunidade foi a primeira a receber uma UPP (Unidade de Polícia Pacificadora), em dezembro de 2008 Maria Elisa Franco/UOL Mais

Às 9h, ao lado do filho Igor, a empreendedora Andréia Miranda começa a abrir sua banca de souvenires no Morro Santa Marta, na Zona Sul carioca. A comunidade foi a primeira a receber uma UPP (Unidade de Polícia Pacificadora), em dezembro de 2008 Maria Elisa Franco/UOL Mais

Às 9h, ao lado do filho Igor, a empreendedora Andréia Miranda começa a abrir sua banca de souvenires no Morro Santa Marta, na Zona Sul carioca. A comunidade foi a primeira a receber uma UPP (Unidade de Polícia Pacificadora), em dezembro de 2008 Maria Elisa Franco/UOL Mais

Dona de um bar no Morro Santa Marta, na Zona Sul carioca, há dez anos, Andréia Miranda formalizou-se como empreendedora individual em 2009, após a pacificação da comunidade. Há seis meses, ela abriu uma banca de souvenires na parte alta do morro para lucrar com o aumento de turistas na região Maria Elisa Franco/UOL Mais

Dona de um bar no Morro Santa Marta, na Zona Sul carioca, há dez anos, Andréia Miranda formalizou-se como empreendedora individual em 2009, após a pacificação da comunidade. Há seis meses, ela abriu uma banca de souvenires na parte alta do morro para lucrar com o aumento de turistas na região Maria Elisa Franco/UOL Mais

Na banca de souvenires, a empreendedora Andréia Miranda comercializa camisetas com imagens da comunidade estampadas, produzidas por ela mesma com auxílio de uma máquina, e outros artigos confeccionados por moradores do Morro Santa Marta, na Zona Sul do Rio de Janeiro (RJ) Maria Elisa Franco/UOL Mais

Na banca de souvenires, a empreendedora Andréia Miranda comercializa camisetas com imagens da comunidade estampadas, produzidas por ela mesma com auxílio de uma máquina, e outros artigos confeccionados por moradores do Morro Santa Marta, na Zona Sul do Rio de Janeiro (RJ) Maria Elisa Franco/UOL Mais

Dona de um bar no Morro Santa Marta, na Zona Sul carioca, há dez anos, Andréia Miranda formalizou-se como empreendedora individual em 2009, após a pacificação da comunidade. Há seis meses, ela abriu uma banca de souvenires na parte alta do morro para lucrar com o aumento de turistas na região Maria Elisa Franco/UOL Mais

Dona de um bar no Morro Santa Marta, na Zona Sul carioca, há dez anos, Andréia Miranda formalizou-se como empreendedora individual em 2009, após a pacificação da comunidade. Há seis meses, ela abriu uma banca de souvenires na parte alta do morro para lucrar com o aumento de turistas na região Maria Elisa Franco/UOL Mais

Na banca de souvenires, a empreendedora Andréia Miranda comercializa camisetas com imagens da comunidade estampadas, produzidas por ela mesma com auxílio de uma máquina, e outros artigos confeccionados por moradores do Morro Santa Marta, na Zona Sul do Rio de Janeiro (RJ) Maria Elisa Franco/UOL Mais

Na banca de souvenires, a empreendedora Andréia Miranda comercializa camisetas com imagens da comunidade estampadas, produzidas por ela mesma com auxílio de uma máquina, e outros artigos confeccionados por moradores do Morro Santa Marta, na Zona Sul do Rio de Janeiro (RJ) Maria Elisa Franco/UOL Mais

Rosineide Silva Almeida (à esq.) e Carolina Pacheco dos Santos (à dir.), sócias do bar-café Favela Point, no Morro da Providência, na Zona Norte carioca, se preparam para começar mais um dia de trabalho. Além delas, outras cinco sócias ajudam a comandar o negócio Maria Elisa Franco/UOL Mais

A sócia Carolina Pacheco dos Santos traz os suprimentos para abastecer o estoque do Favela Point, no Morro da Providência. O negócio é fruto do projeto "Elas em Movimento", uma iniciativa do fundo de investimento social para mulheres Elas Maria Elisa Franco/UOL Mais

As duas sócias abastecem o estoque o colocam as bebidas para gelar. O Favela Point, no Morro da Providência, é fruto do projeto "Elas em Movimento", uma iniciativa do fundo de investimento social para mulheres Elas Maria Elisa Franco/UOL Mais

A sócia Carolina Pacheco dos Santos faz o controle do estoque e dos gastos em um caderno. O Favela Point, no Morro da Providência, é fruto do projeto "Elas em Movimento", uma iniciativa do fundo de investimento social para mulheres Elas Maria Elisa Franco/UOL Mais

A empreendedora Carolina Pacheco dos Santos vende uma garrafa de água para um turista. O Favela Point fica no alto do Morro da Providência, na Zona Norte, e a vista privilegiada para o centro da cidade e para a ponte Rio-Noterói atrai grande número de visitantes à comunidade Maria Elisa Franco/UOL Mais

O Favela Point fica no alto do Morro da Providência, na Zona Norte, e a vista privilegiada para o centro da cidade e para a ponte Rio-Noterói atrai grande número de visitantes à comunidade Maria Elisa Franco/UOL Mais

Alguns degraus acima do Favela Point fica a Igreja Nossa Senhora da Penha, no Morro da Providência. A comunidade recebeu uma UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) em abril de 2010 Maria Elisa Franco/UOL Mais

Alguns degraus acima do Favela Point fica a Igreja Nossa Senhora da Penha, no Morro da Providência. A comunidade recebeu uma UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) em abril de 2010 Maria Elisa Franco/UOL Mais

A sócia Rosineide Silva Almeida prepara um hambúrguer. Moradores da comunidade, policiais da UPP e trabalhadores do plano inclinado no Morro da Providência estão entre os clientes do Favela Point Maria Elisa Franco/UOL Mais

A sócia Rosineide Silva Almeida prepara um hambúrguer. Moradores da comunidade, policiais da UPP e trabalhadores do plano inclinado no Morro da Providência estão entre os clientes do Favela Point Maria Elisa Franco/UOL Mais

A sócia Rosineide Silva Almeida serve um hambúrguer para um cliente. Moradores da comunidade, policiais da UPP e trabalhadores do plano inclinado no Morro da Providência estão entre os frequentadores do Favela Point Maria Elisa Franco/UOL Mais

Conheça empreendedoras das favelas pacificadas

Mais álbuns de UOL Economia x

Veja mais: Moradores de favelas pacificadas no Rio viram empresários , Albergue em favela pacificada do Rio atrai turistas estrangeiros

Últimos álbuns de Economia

UOL Cursos Online

Todos os cursos