Bolsas

Câmbio

Bolsa sobe no dia, mas perde 2,5% na semana; JBS tomba 3% após ação nos EUA

Do UOL, em São Paulo

O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, fechou esta sexta-feira (2) em alta de 0,36%, a 62.510,7 pontos, após duas quedas seguidas. Na véspera, a Bolsa havia caído 0,67%. Apesar de subir no dia, o índice encerra a semana com perda acumulada de 2,46%.

A alta do dia foi influenciada, principalmente, pelo desempenho positivo das ações da Petrobras, que subiram mais de 1%. Os papéis da Ambev, do Banco do Brasil, do Itaú Unibanco e da Vale também subiram. Por outro lado, as ações do Bradesco caíram mais de 1%. Essas empresas têm grande peso sobre o Ibovespa.

Além disso, as ações da JBS, empresa no centro das denúncias contra o presidente Michel Temer, tiveram baixa de 3,06%, a maior queda do dia no Ibovespa. Na semana, o papel acumulou queda de 1,43%. Segundo o escritório de advocacia Vincent Wong, um grupo de investidores entrou com uma ação coletiva contra a companhia nos Estados Unidos

Dólar sobe 0,24%, a R$ 3,255

dólar comercial fechou em alta de 0,24%, cotado a R$ 3,255 na venda. É o segundo avanço seguido da moeda norte-americana, que havia subido 0,32% na véspera. Apesar da alta no dia, o dólar termina a semana com desvalorização acumulada de 0,33%.

Investidores continuam atentos aos desdobramentos da crise política. Na véspera, procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu novamente a prisão de Rodrigo Rocha Loures, ex-assessor especial do presidente Michel Temer, no inquérito em que os dois são investigados por suspeitas de corrupção, obstrução da Justiça e organização criminosa.

(Com Reuters)

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos