Conteúdo publicado há 10 meses

Dólar fecha a semana a R$ 4,871; Bolsa cai 0,53% nesta sexta-feira

O dólar comercial encerrou a sessão desta sexta-feira (15) em leve queda de 0,03%, cotado a R$ 4,871. Na semana, a moeda acumulou queda de 2,21%.

O Ibovespa, principal índice da Bolsa de Valores brasileira (B3), encerrou em queda de 0,53%, aos 118.757,53 pontos.

O que aconteceu:

Pregão no Ibovespa foi marcado por vencimento de opções sobre ações. Termo se refere ao prazo em que o titular tem para exercer o direito de comprar ou vender o ativo. Ao mesmo tempo, a Vale ofereceu algum suporte frente à queda, impulsionada pela nova alta dos preços do minério de ferro.

Moeda norte-americana alternou entre estabilidade e leve queda frente ao real. O resultado reflete a percepção do mercado sobre os novos dados da economia chinesa.

Pela manhã, o dólar chegou a sustentar leves ganhos ante o real. Mas o viés negativo para a moeda acabou prevalecendo, assim como ocorria no exterior.

A produção industrial da China aumentou 4,5% em agosto em relação ao ano anterior. Os dados divulgados hoje mostram aceleração em relação ao ritmo de 3,7% de julho, superando as expectativas de um aumento de 3,9% em pesquisa da Reuters com analistas e marcando o ritmo mais rápido desde abril.

Investidores também aguardam a reunião de política monetária do Federal Reserve da próxima semana. A expectativa é de que o banco central dos Estados Unidos deixe sua taxa de juros inalterada. Após dados de preços ao consumidor em linha com o esperado nesta semana, cresceram as apostas de que a autoridade monetária não promoverá mais altas nos custos dos empréstimos este ano.

O valor do dólar divulgado diariamente pela imprensa, inclusive o UOL, refere-se ao dólar comercial (saiba mais clicando aqui). Para quem vai viajar e precisa comprar moeda em corretoras de câmbio, o valor é bem mais alto.

(Com Reuters)

Deixe seu comentário

Só para assinantes