Bolsas

Câmbio

Alemanha cresce mais que o previsto no 1º trimestre

Frankfurt am Main, 13 Mai 2016 (AFP) - A economia da Alemanha registrou um crescimento mais forte que o previsto no primeiro trimestre, com uma alta de 0,7% do Produto Interno Bruto (PIB), graças à solidez de sua demanda interna, segundo os dados oficiais provisórios divulgados nesta sexta-feira.

Os analistas acreditavam em um crescimento de 0,5%, mas o resultado foi de 0,7% na comparação com o último trimestre de 2015, em dados corrigidos das variações sazonais, anunciou a agência federal de estatísticas Destatis.

A principal economia da Europa se beneficiou sobretudo da demanda interna, afirma a Destatis em um comunicado. O consumo residencial, os gastos públicos e os investimentos privados (principalmente na construção e em equipamentos) aumentaram na comparação com trimestre anterior.

As importações, no entanto, avançaram mais que as exportações, segundo a agência.

Em ritmo anual, o PIB alemão registrou alta de 1,3% entre fevereiro e março.

O governo alemão prevê para 2016 um crescimento de 1,7%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos