Bolsas

Câmbio

Senado brasileiro aprova Pec do teto dos gastos

Brasília, 13 dez 2016 (AFP) - O senado brasileiro aprovou nesta terça-feira a Pec do teto dos gastos, que congela os gastos do governo por 20 anos e é o ponto central de sua agenda de medidas de austeridade.

Os senadores votaram 53 a favor e 16 contra a Pec de congelamento de gastos públicos, enquanto que, do lado de fora do Planalto, manifestantes protestavam contra as medidas de austeridade aprovadas.

A emenda aprovada deve ser sancionada ainda esta semana. Sua aprovação definitiva requeria uma dupla aprovação, com maiorias qualificadas, na Câmara e no Senado.

Na primeira votação no Senado, em 29 de novembro, contou com o apoio de 61 dos 81 senadores.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos