Samsung anuncia lucro recorde e caminha para superar Apple

Seul, 27 Jul 2017 (AFP) - O gigante sul-coreano Samsung Electronics anunciou nesta quinta-feira (27) um lucro trimestral recorde, que poderá permitir que venha a superar seu principal concorrente, a Apple, e deixar para trás a prisão de seu vice-presidente e o fiasco do Galaxy Note 7.

O grupo atribuiu os resultados ao êxito de seu novo smartphone Galaxy S8 e à forte demanda de microprocessadores. Os analistas também preveem um ótimo desempenho no terceiro trimestre.

O lucro líquido da Samsung registrou alta de 88,9% no segundo trimestre, alcançando os 11,05 trilhões de wons (9,92 bilhões de dólares), o que representa o melhor resultado trimestral em cinco anos, segundo comunicado da empresa.

A Samsung também reportou uma alta de 72,9% anual de EBTIDA (lucros antes dos juros e impostos), a 14,07 trilhões de wons (12,6 bilhões de dólares).

Os analistas acreditam que, em 1º de agosto, a Apple anunciará um lucro de 10,6 bilhões de dólares.

"A Samsung supera momentaneamente seus rivais, mas os lucros da Apple variam bem pouco, enquanto os da Samsung se alteram muito de acordo com o valor de seus cartões de memória", explicou à AFP Greg Roh, analista da HMC Investment Securities.

O volume de negócios subiu 19,7%, a 61 trilhões de wons.

"O S8 de fato ajudou a relançar a Samsung e a superar o fracasso do Note 7", disse Bryan Ma, especialista do setor tecnológico da IDC.

"Mas também é preciso levar em conta que os resultados da Samsung se devem aos microprocessadores de memória e às telas", disse à Bloomberg News. "O S8 não explica tudo", garantiu.

- Novo recorde -A Samsung está saindo de uma das piores épocas de sua história. Primeiro, o enorme fracasso comercial do Note 7. A empresa precisou um recall para corrigir milhares de unidades do aparelho devido ao risco de explosão da bateria.

A tecnológica também se envolveu no escândalo de corrupção que levou à destituição e posterior prisão da presidente sul-coreana Park Geun-Hye.

No centro do escândalo estava sua amiga de infância Choi Soon-Sil, acusada de ter aproveitado sua influência para extorquir milhões de dólares de várias empresas e se envolver em assuntos de Estado.

O vice-presidente da Samsung, Lee Jae-Yong, está sendo julgado porque seu grupo teria dado muito dinheiro para as duvidosas fundações geridas por Choi.

A Samsung, principal fabricante mundial de smartphones e cartões de memórias, fornece microprocessadores para outros grupos, como a Apple.

O lucro operacional de sua atividade de semicondutores disparou 204% inter anuais no segundo trimestre, a 8,03 trilhões de wons.

"A divisão de seus componentes teve uma importante contribuição para o crescimento do benefício", indicou a Samsung, citando "essencialmente uma forte demanda de [microprocessadores] DRAM e cartões SSD", usados sobretudo em servidores e computadores.

A Samsung anunciou, no começo deste mês, um investimento de 20,4 milhões de wons na sua atividade de microprocessadores para confirmar sua liderança.

O investimento deve acontecer até 2021 e ajudará a desenvolver e melhorar suas fábricas sul-coreanas deste setor, localizadas em Pyeongtaek e Hwaseong, segundo comunicado do grupo.

"Espera-se que a Samsung anuncie no terceiro trimestre um novo lucro recorde de 15 bilhões de wons", indicou Roh, que destacou que a demanda de microprocessadores vai continuar alta.

No setor de smartphones, a Samsung enfrenta a concorrência dos fabricantes chineses nos aparelhos mais populares e do iPhone nos modelos de ponta. Em agosto, ela vai lançar o novo modelo do Note.

sh/tm/laf-jac/tho/sgf/pc

SAMSUNG ELECTRONICS

APPLE INC.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos