Bolsas

Câmbio

EUA: Yellen deixará Fed ao fim de seu mandato

Washington, 20 Nov 2017 (AFP) - A presidente do Federal Reserve dos Estados Unidos (Fed), Janet Yellen deixará o posto de presidente da instituição quando seu mandato chegar ao fim em fevereiro, informou a própria Yellen nesta segunda-feira.

O presidente Donald Trump nomeou Jerome Powell para substituí-la à frente do Banco Central americano, mas Yellen poderia continuar seu mandato até 2024.

O Fed publicou a carta de renúncia de Yellen, de 71 anos, em que disse ter "a intenção de renunciar ao Conselho de governadores do sistema do Federal Reserve" na data em que "meu sucessor prestar juramento como presidente".

A troca do comando deverá ser no dia 3 de fevereiro, quando o mandato de Yellen como presidenta termina,

Yellen foi nomeada para a presidência em fevereiro de 2014 pelo presidente Barack Obama.

Sua partida aumenta as chances de Trump influenciar na composição do conselho de governadores do Fed.

Três de seus sete lugares estão vagos atualmente e mais um ficará quando Yellen deixar a presidência do Banco Ventral.

Um de seus membros atuais, Randal Quarles, foi nomeado por Trump e assumiu no mês passado.

Os membros do Conselho são escolhidos pelo presidente da República e precisam ser confirmados pelo Senado. Seu mandato é de 14 anos.

O vice-presidente do Fed, Stanley Fischer, deixou o cargo no mês passado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos