PUBLICIDADE
IPCA
+0,83 Mai.2021
Topo

Diretor da Fiat-Chrysler para a Europa, Oriente Médio e África renuncia

23/07/2018 12h07

Roma, 23 Jul 2018 (AFP) - O diretor do Grupo Fiat-Chrysler (FCA) para a Europa, Oriente Médio e África, Alfredo Altavilla, renunciou após a saída inesperada de CEO Sergio Marchionne, anunciou nesta segunda-feira em um comunicado.

Altavilla, que foi durante anos braço direito de Marchionne, era considerado um dos seus prováveis sucessores, mas será substituído pelo britânico Mike Manley, que também assumirá como CEO da FCA em razão da doença que afastou Marchionne.

"Ele deixará o grupo para buscar outros interesses profissionais", explicou a FCA no comunicado.

Altavilla, que permanecerá no cargo até o final de agosto para facilitar a transição, foi responsável pelo desenvolvimento das atividades globais da empresa, que serão confiadas a Richard Palmer.

Manley é o primeiro executivo que não é cidadão italiano a dirigir a Fiat.

Altavilla, de 55 anos, trabalhava há 20 para a empresa.

bur-kv/age/mr