PUBLICIDADE
IPCA
1,35% Dez.2020
Topo

EUA diz que vários países, inclusive o México, debatem plano de ajuda à Venezuela

11/04/2019 19h59

Washington, 11 Abr 2019 (AFP) - Os Estados Unidos e vários países, incluindo o México, debateram na quinta-feira (11) em Washington planos para dar apoio financeiro à Venezuela antes do colapso de sua economia, disse o secretário do Tesouro dos EUA, Steven Mnuchin.

O funcionário disse que recebeu ministros das Finanças de 19 países para "discutir a situação econômica e humanitária na Venezuela", segundo um comunicado divulgado após a reunião.

Esta é a quinta reunião que Mnuchin realiza para analisar a economia venezuelana, mas é a primeira reunião desde que o líder da Assembleia Nacional (Parlamento), Juan Guaidó, contestou em 23 de janeiro a autoridade do presidente Nicolás Maduro para considerar ilegítimo sua reeleição. Desde então, mais de 50 países reconheceram Guaidó como presidente interino da Venezuela.

"Anteriormente, os ministros das Finanças examinaram a participação de membros do regime de Maduro no desvio de fundos do programa de alimentos subsidiados, e o uso da mineração ilegal de ouro pelo regime para ajudar Maduro a se manter o poder", lembrou Mnuchin.

"Hoje, os ministros revisaram as medidas tomadas desde janeiro para aumentar a pressão financeira sobre o regime de Maduro e medidas adicionais para apoiar a Assembleia Nacional democraticamente eleita e o presidente interino Guaidó", acrescentou.

Mnuchin detalhou que a reunião contou com a participação de autoridades da Alemanha, Argentina, Brasil, Canadá, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, Espanha, França, Guatemala, Guiana, Itália, Japão, México, Panamá, Portugal, Peru e Reino Unido. Alguns desses países, como o México e a Itália, não reconheceram Guaidó.

A reunião também contou com a participação de Ricardo Hausmann, coordenador de assessores econômicos de Guaidó, que apresentou os planos do líder da oposição para "erradicar a corrupção pública e estimular o crescimento econômico", segundo um comunicado do Departamento do Tesouro.

an-ad/mls/cc/mvv