IPCA
0,1 Out.2019
Topo

Falência da Thomas Cook acaba com casamento de outro Thomas Cook

23/09/2019 12h59

Londres, 23 Set 2019 (AFP) - A falência repentina da operadora de turismo britânica Thomas Cook interrompeu os projetos de milhares de turistas e também arruinou o casamento de... Thomas Cook.

"Por causa do meu nome, Thomas Cook, a empresa nos prometeu uma surpresa para o nosso casamento, mas essa não era a surpresa que estávamos esperando", declarou o inglês, citado pelo jornal online Nottinghamshire nesta segunda-feira (23).

Thomas Cook, de 29 anos, e sua noiva Amelia Binch, de 27, vivem em Hucknall, perto de Nottingham, no norte da Inglaterra, e partiram para a ilha grega de Rhodes com seus dois filhos em 18 de setembro para se casar no dia 27 de setembro.

Os convidados usariam a companhia aérea Thomas Cook nos próximos dias, incluindo o padrinho do noivo.

Agora, porém, há apenas dúvidas, já que a cerimônia - flores, bolos, decoração e banda - também foi organizada pela mesma agência de viagens. Nesta segunda, a Thomas Cook declarou repentinamente sua falência, deixando cerca de 600.000 turistas a ver navios.

O noivo Thomas Cook, que trabalha para a Rolls Royce, disse estar "apavorado".

"Esperávamos mais de 30 pessoas, familiares e amigos. Metade deles está presa em casa na mais completa incerteza. Meu padrinho ainda está na Inglaterra. Ninguém sabe de nada", afirmou.

"Há anos preparamos isso, e tudo deu errado", lamenta.

"É um verdadeiro pesadelo", acrescenta Amelia.

"Eles nos disseram que podemos ser repatriados a qualquer momento... É horrível. Você não espera algo assim de uma empresa como essa", completou a noiva, que diz ter gastado cerca de 10.000 libras (11.000 euros) com a festa.

fb/agr/acc/age/cn/tt

THOMAS COOK GROUP

ROLLS-ROYCE HOLDINGS

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Economia