PUBLICIDADE
IPCA
-0,38 Mai.2020
Topo

Petróleo fecha impulsionado por sinais de reativação da demanda

18/05/2020 17h50

Nova York, 18 Mai 2020 (AFP) - Os preços do petróleo fecharam em forte alta nesta segunda-feira (18) pela perspectiva de um aumento da demanda à medida que os países iniciam o desconfinamento e pela baixa extração de petróleo.

Em Nova York, o barril de WTI para entrega em junho subiu 8,1% a 31,82 dólares. Pela primeira vez desde 17 de março, superou os 30 dólares.

Em Londres, o Brent do Mar do Norte para entrega em julho subiu 7,1% a 34,81 dólares.

Na semana passada, o Brent subiu 5% e o WTI, 19%, após fechar em alta nas duas semanas anteriores.

"Os preços do petróleo iniciam a semana com o pé direito, com os investidores esperando um aumento da demanda", disse Robbie Fraser, da Schneider Electric.

"Enquanto alguns países preveem flexibilizar as medidas de confinamento e as restrições aos deslocamentos nas próximas semanas, já vemos indícios de um aumento da demanda nos Estados Unidos, com uma alta significativa do consumo de gasolina", destacou.

Também há "sinais claros de maior atividade nas refinarias chinesas, o que sustenta as importações (chinesas) e permitiu as abundantes reservas mundiais diminuírem um pouco", acrescentou o especialista.

O mundo se aproximava de uma saturação das capacidades de armazenamento de petróleo em meio à queda livre da demanda pelo novo coronavírus.

bp-jum/dho/lth/mr/piz/mvv

Economia