PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Wall Street volta a operar no azul após distensão em crise sobre Ucrânia

15/02/2022 20h41

Nova York, 15 Fev 2022 (AFP) - A bolsa de Nova York voltou a operar no azul nesta terça-feira (15) após os sinais de distensão na crise sobre a Ucrânia, com o anúncio da retirada parcial das tropas russas na fronteira com o país vizinho.

Segundo os resultados definitivos no fechamento, o índice principal Dow Jones subiu 1,22%, fechando a 34,988,84 pontos, uma recuperação após três sessões consecutivas de perdas. O Nasdaq, predominantemente tecnológico, subiu 2,53%, a 14.139,76 unidades, enquanto o índice ampliado S&P 500 - das 500 maiores companhias negociadas na bolsa - subiu 1,58% a 4.471,07 pontos.

"As ações romperam a tendência de três sessões com perdas após o anúncio de que a Rússia começou a retirar suas tropas da fronteira ucraniana, acalmando um pouco as tensões na região", destacaram os analistas da companhia Schwab.

O ministério russo da Defesa anunciou que parte dos 100.000 militares concentrados nas fronteiras ucranianas voltariam a partir desta terça.

O presidente russo, Vladimir Putin, também confirmou "a retirada parcial". Os Estados Unidos, por sua vez, exigiram uma desescalada "verificável".

Fora do tema da Ucrânia, os investidores mantiveram a atenção na política monetária dos Estados Unidos, especialmente após a publicação do índice de preços no atacado em janeiro nos Estados Unidos.

Os preços à produção (índice PPI) subiram 1% em janeiro em um mês, sua maior alta desde maio de 2021 e duas vezes maior do que o esperado. Em 12 meses, a alta dos preços no atacado foi de 9,7%.

"Estas cifras reforçam a ideia de que o comitê monetário do Fed vai começar no próximo mês seu aumento (da taxa básica de juros) com uma alta de pelo menos 0,25%", comentou Mahir Rasheed, economista para a Oxford Economics.

vmt/tu/eb/cjc/llu/mvv

HYATT HOTELS CORP

American Airlines

THE WALT DISNEY COMPANY

NORWEGIAN CRUISE LINE HOLDINGS

EXPEDIA

INTEL

MARRIOTT INTERNATIONAL