PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

Presidente da Petrobras renuncia após novas críticas de Bolsonaro

20/06/2022 12h00

Brasília, 20 Jun 2022 (AFP) - O presidente da Petrobras, José Mauro Coelho, renunciou nesta segunda-feira (20) após nova alta nos preços dos combustíveis e críticas do presidente Jair Bolsonaro.

"A Petrobras informa que o senhor José Mauro Coelho pediu demissão do cargo de presidente da empresa na manhã de hoje (20/6). A nomeação de um presidente interino será examinada pelo Conselho de Administração da Petrobras a partir de agora", anunciou a companhia em comunicado.

A saída de Coelho já era esperada há um mês, quando anunciada pelo ministério de Minas e Energia, mas aguardava a remoção formal na próxima assembleia de acionistas da empresa, onde o Estado detém maioria das ações, prevista para julho.

A maior empresa da América Latina aumentou desde sábado o preço da gasolina em suas refinarias em 5,18% e o preço do diesel em 14,26%, um aumento que gerou novas críticas de Bolsonaro, que garantiu que a Petrobras mergulharia o Brasil no "caos".

Bolsonaro também pediu ao Congresso uma comissão parlamentar para investigar os líderes da empresa.

As negociações das ações da empresa foram "suspensas temporariamente" na Bolsa de Valores de São Paulo após a divulgação da renúncia de Coelho, confirmou uma fonte à AFP.

Coelho foi o terceiro a assumir a presidência da petroleira sob o governo Bolsonaro e ficou pouco mais de dois meses.

Bolsonaro, que buscará a reeleição em outubro, pressiona a petroleira a conter os aumentos de preços e evitar uma nova escalada da inflação, o que prejudica sua popularidade antes das eleições de outubro.

msi/app/mr