PUBLICIDADE
IPCA
0,73 Dez.2021
Topo

O erro que fez arte digital NFT de R$ 1,7 milhão ser vendida por R$ 17 mil

Bored Ape número 4.418 - Reuters / Nexo
Bored Ape número 4.418 Imagem: Reuters / Nexo

Da BBC

14/12/2021 14h35Atualizada em 14/12/2021 14h45

Uma peça de arte digital NFT (token não fungível) foi acidentalmente vendida por pouco mais de US$ 3 mil (R$ 17 mil) — um centésimo de seu preço de mercado.

As imagens da série Bored Ape Yacht Club têm tiragem limitada de 10 mil peças, cada uma com pequenas variações.

Mas o proprietário do Bored Ape (macaco entediado, em inglês) número 3.547 cometeu um erro de digitação ao listar o item à venda online. O NFT foi imediatamente adquirido por uma conta automatizada — e colocado de volta à venda por quase US$ 250 mil.

O vendedor, maxnaut, disse à que pretendia listar o número 3.547 do Bored Ape por 75 ethereum (ETH), a criptomoeda usada para muitas negociações NFT. Mas um "lapso de concentração" — durante uma das muitas negociações que ele lista online todos os dias - o fez digitar "0,75 ETH" (U$ 2.989).

"Eu imediatamente vi o erro, mas ele foi instantaneamente comprado, antes que eu pudesse clicar em 'cancelar' — e assim eu perdi US$ 250 mil", disse ele.

O comprador também pagou taxas muito altas para aumentar a velocidade com que a transação é concluída e garantir que a venda ocorresse quase que instantaneamente.

Em transações bancárias tradicionais, esses erros são geralmente revertidos facilmente se o banco for informado sobre o erro. Mas no mercado de criptografia não regulamentado, geralmente não há como reverter essa venda.

O Bored Ape número 3.547 foi recolocado à venda por US$ 250 mil - OpenSea - OpenSea
O Bored Ape número 3.547 foi recolocado à venda por US$ 250 mil
Imagem: OpenSea

Símios entediados

A série de artes digitais The Bored Apes, lançada em abril de 2021, é "gerada programaticamente" — um script de computador mistura e combina uma variedade de cores, designs e acessórios para tornar cada um dos macacos ligeiramente diferente do outro.

Inicialmente vendido por 0,08 ETH cada (US$ 320 nos preços de hoje), eles agora são vendidos por pelo menos 50 ETH (US$ 200 mil).

Muitos proprietários — sejam entusiastas do NFT ou celebridades — usam seus macacos como imagem de perfil no Twitter.

Além disso, há benefícios em trazer parte do "clube" — incluindo convites para eventos da comunidade e acesso a conteúdo digital exclusivo.

Mas os críticos de NFT em geral questionam o mercado de arte digital: o que os compradores estão recebendo de fato quando compram arte não física? O "certificado de propriedade" da arte armazenado no blockchain — a mesma tecnologia que sustenta as criptomoedas — vale o preço que é pago pela arte? Os NFT são uma bolha especulativa que deve estourar em breve?

A tecnologia também usa muita energia — devido à forma como as transações são verificadas por computação de alta potência — levando a críticas de que a indústria é ruim para o meio ambiente.

PUBLICIDADE