Petrobras e estatais darão R$ 100 mi a Paralimpíadas, diz fonte

Anna Edgerton

(Bloomberg) -- Os recursos federais que organizadores dos Jogos Olímpicos pediram virão de bancos públicos e da Petrobras, disse um alto funcionário do governo que participou das discussões.

A Petrobras, a Caixa Econômica Federal e o BNDES ajudarão a patrocinar um total combinado de R$ 100 milhões (US$ 31 milhões) antes do início dos Jogos Paralímpicos no mês que vem, disse a pessoa. A Petrobras disse ontem, em resposta por e-mail, que considera a possibilidade de patrocinar o evento, sem dar detalhes. O BNDES e a Caixa não responderam imediatamente aos pedidos de comentário. A Rio 2016 preferiu não comentar o assunto.

O Rio de Janeiro teve dificuldades para organizar os Jogos Olímpicos 2016 em meio a pior recessão do Brasil em décadas, que prejudicou os orçamentos dos governos federal e estadual. O Comitê Paralímpico Internacional alertou que atletas de mais de 50 países poderão perder a competição de setembro, evento que ganhou reconhecimento em Londres e Pequim, se os recursos prometidos não forem entregues.

A Agência Brasileira de Promoção de Exportação e Investimentos (Apex) e o Instituto Brasileiro do Turismo (Embratur) também contribuirão com os R$ 100 milhões, segundo o funcionário do governo, que pediu anonimato porque a informação ainda não é pública.

O governo municipal do Rio ficou responsável para R$ 150 milhões, a pessoa diz.

O Rio tem enfrentado dificuldades para conseguir recursos locais e federais de última hora porque a Justiça levantou preocupações relacionadas à transparência. Um desembargador no Tribunal Regional Federal suspendeu ontem uma liminar que impedia repasse de verbas, dizendo que houve risco de não viabilizar a Paralimpíada. 

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro também proibiu a prefeitura de repassar recursos aos Jogos Paralímpicos, o que poderia ser crime eleitoral ante das eleições municipais, segundo o UOL.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos