Bolsas

Câmbio

Quem ganha mais com o casamento, homens ou mulheres?

Ben Steverman

(Bloomberg) -- Os melhores casamentos são propostas que beneficiam ambas as partes, que se tornariam mais felizes e saudáveis do que se estivessem solteiros.

Em muitos casais de longa data, no entanto, aparentemente os maridos estão sendo mais beneficiados. Uma pesquisa publicada na mais recente edição do periódico acadêmico Social Psychology Quarterly concluiu que as mulheres com mais de 50 anos classificam a qualidade de seu casamento com uma nota mais baixa do que a dada pelos maridos.

A conclusão é coerente com outra pesquisa que revela que homens mais velhos tendem a estar mais satisfeitos com o casamento que as mulheres. A maior contribuição desse estudo é a comparação direta das respostas de um marido com as respostas de sua esposa, o que ajuda a "avaliar se a qualidade marital de um cônjuge pode influenciar a do outro com o tempo", disse Jennifer Roebuck Bulanda, professora de Sociologia da Universidade de Miami, que não teve nenhuma participação no estudo.

O resultado é que, embora uma mulher e um homem possam ter perspectivas muito diferentes em relação ao mesmo casamento, eles não são completamente indiferentes aos sentimentos do outro.

"O modo em que um cônjuge percebe o casamento afeta o modo em que o outro cônjuge percebe o casamento", disse Jeffrey Stokes, professor de Sociologia da Universidade Estadual de Illinois e autor do estudo. "Isso não acontece por telepatia", disse ele. "É algo que provavelmente ocorre, de forma consciente ou inconsciente, em comportamentos", como demonstrações de afeto, apreço e apoio emocional.

Stokes comparou as respostas de mais de 200 casais com mais de 50 anos de idade que participaram do Panel Study of Income Dynamics, de 18.000 pessoas, em 2009 e 2013. Pediram-lhes que classificassem, em uma escala de quatro pontos, o nível de apoio oferecido pelo cônjuge: o quanto ele ou ela valoriza ou entende você?

Também perguntaram sobre os defeitos do cônjuge: o quanto ele ou ela deixa você tenso ou irritado?

As esposas deram ao seus casamentos uma nota geral de 2,99 na pesquisa de 2013; os maridos classificaram o mesmo casamento com 3,2. Uma diferença semelhante foi encontrada na pesquisa de 2009. Embora essa diferença pareça pequena, "ela é muito generalizada", disse Stokes. Independentemente da pergunta feita, existe uma "tendência clara entre os maridos a informar uma qualidade marital melhor do que a da própria esposa", disse ele. De modo geral, apenas 29 por cento das esposas deram ao casamento uma nota mais alta do que a dada pelo marido.

Os sociólogos têm algumas hipóteses para explicar essa diferença. Os papéis de gênero tradicionais podem atribuir às mulheres uma parte maior do "trabalho emocional" no casamento, disse Stokes. "Quando o casamento é uma instituição sem igualdade de gênero, os maridos ganham mais com ele do que as esposas", disse ele.

Estudos com casais heterossexuais mais jovens estão encontrando uma diferença menor. Isso pode ser um sinal de que os casamentos estão se modernizando e que os jovens homens e mulheres estão assumindo papéis mais igualitários. Ou talvez essas diferenças aumentem à medida que os casais envelhecerem.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos