PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Empresa de viagens Booking investe US$ 500 mi na chinesa Didi

Tela de navegação no site Booking.com - Reprodução/Booking.com
Tela de navegação no site Booking.com Imagem: Reprodução/Booking.com

Edwin Chan

17/07/2018 12h20

(Bloomberg) -- A Booking Holdings, proprietária dos websites de viagens Priceline e Kayak, investirá US$ 500 milhões na gigante chinesa Didi Chuxing como parte de uma aliança global que combinará reservas de quartos e corridas sob demanda para os clientes de ambas.

A Didi, a startup que empurrou a Uber Technologies para fora da China, fornecerá corridas para clientes dos aplicativos da Booking em todo o mundo.

A parceira americana, por sua vez, permitirá que os usuários da Didi façam reservas de quartos de hotéis pelos websites Booking.com e Agoda, disseram as duas empresas em comunicado. Nenhuma das empresas detalhou em quais mercados se unirão.

A Didi é a fornecedora dominante de carros sob demanda na China, maior fonte de turistas do mundo e um destino por si só. Mas a empresa não fez incursões profundas no resto do mundo, apesar das aquisições e investimentos que garantiram sua presença na América Latina e em outras arenas, como o Japão e a Austrália.

A Booking Holdings, que concorre com a Expedia Group nos EUA, vem injetando recursos para aumentar a visibilidade do website de mesmo nome e também vem fazendo investimentos estratégicos em pares chineses importantes como Ctrip.com International e Meituan Dianping.

"A Didi tem vantagens claras em termos de tecnologia e escala no setor de mobilidade compartilhada", disse Todd Henrich, chefe de desenvolvimento corporativo da Booking Holdings, em comunicado.

(Com a colaboração de David Ramli)