PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Adobe Photoshop será disponibilizado no iPad, da Apple

Nico Grant

15/10/2018 11h36

(Bloomberg) -- A Adobe apresentou uma nova geração do Photoshop que será disponibilizada pela primeira vez no iPad, da Apple, sinalizando a aceleração da iniciativa da produtora de softwares para ampliar as vendas com mais aplicativos móveis.

O Photoshop CC será disponibilizado aos clientes em 2019, informou a empresa com sede em San José, Califórnia, em comunicado, nesta segunda-feira.

O anúncio é a concretização da antiga meta da Adobe de levar seu emblemático programa de edição de imagens aos dispositivos móveis. A Adobe está em uma trajetória de vários anos para a modernização de seu software dominante de mídia criativa depois de transferir todos os aplicativos para a nuvem, em 2012. Com o Photoshop CC, a Adobe intensificou a estratégia focada em diversos aparelhos para atrair profissionais criativos e entusiastas que gostam de trabalhar com telas sensíveis ao toque.

"Trata-se de um momento de pioneirismo, porque é para lá que irá o restante da Creative Cloud", disse Scott Belsky, diretor de produtos e vice-presidente-executivo da Creative Cloud, em entrevista.

A Bloomberg News noticiou em julho que uma nova versão do Photoshop para iPad seria lançada em outubro antes de ser colocada à venda, no ano que vem. Uma nova versão do Illustrator está em desenvolvimento, mas mais longe de ser lançada, disseram pessoas a par dos planos em julho.

A Adobe está organizando sua conferência anual de criação, a MAX, em Los Angeles, nesta semana, na qual apresentará seus aplicativos e conceitos mais recentes. A empresa também apresentará uma prévia do Gemini, um novo aplicativo de desenho que deverá ser disponibilizado no iPad em 2019. A gigante dos softwares de criação lançou o Premiere Rush CC, um aplicativo para dispositivos móveis que ajuda a editar vídeos para redes sociais.

A Adobe também está apresentando uma versão de produção de seu novo programa de realidade aumentada, chamado Project Aero. O software, que deve começar a ser vendido no ano que vem, é um sistema de programação que permite que designers e artistas criem conteúdo em realidade aumentada que possam ser vistos pelas pessoas por meio de uma tela ou de óculos de RA.