PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Cotações

Líder no Brasil, Três Corações busca negócios na América do Sul

Fabiana Batista

22/01/2019 13h19

(Bloomberg) -- A maior empresa de torrefação de café do Brasil está à caça de aquisições nos mercados menos consolidados da América do Sul.

A joint venture Três Corações, de propriedade conjunta do grupo brasileiro São Miguel e da Strauss Group, a maior fabricante de alimentos de capital aberto de Israel, busca comprar empresas de torrefação de café na Argentina, no Chile, no Uruguai, no Paraguai e na Bolívia, disse seu presidente, Pedro Lima, em entrevista, em São Paulo.

No Brasil, a Três Corações responde por 27 por cento do mercado de café torrado, à frente da gigante holandesa Jacob Douwe Egbert e da alemã Melitta, a segunda e a terceira maiores, respectivamente. A natureza consolidada do mercado brasileiro limita as oportunidades de compra. A situação é diferente em outras partes da região, segundo o empreendedor, cuja família começou a torrar e moer café no fim dos anos 1950 no Nordeste.

A Argentina está no topo da lista de prioridades fora do Brasil apesar de os problemas econômicos do país terem criado uma barreira para as aquisições neste momento. A Três Corações suspendeu recentemente as conversas iniciais com uma empresa de torrefação de médio porte na Argentina depois que o peso despencou. "Mas definitivamente é um mercado-alvo para nós", disse Lima.

Crescimento em casa

Futuramente, a Três Corações quer elevar sua participação de mercado para mais de 40 por cento no Brasil, o maior produtor e exportador de café do mundo. Por enquanto, os valores elevados dos ativos são um impedimento. "Os vendedores aumentaram muito suas expectativas de preço nos últimos anos", disse ele.

Desde que a Strauss e a São Miguel formaram a joint venture, em 2005, o grupo adquiriu oito empresas de café, a última delas anunciada em maio. As vendas deverão ultrapassar R$ 5 bilhões (US$ 1,3 bilhão) neste ano, contra R$ 4,8 bilhões em 2018, disse ele. Como estratégia para expandir market share, o grupo, que completa neste ano seis décadas, também investe em cafés especiais e, recentemente, lançou uma edição ilimitada de cafés batizado de "Florada" produzido apenas por mulheres cafeicultoras.

Conhecida formalmente como Três Corações Alimentos SA, a empresa busca também construir presença em outros ramos além do café. O grupo já fabrica e comercializa produtos como suco em pó e farinha de milho.

"No Brasil, estamos procurando também ativos no segmento de alimentos matinais", disse.

PUBLICIDADE

Cotações