PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Modelo 'falcão' da Airbus lembra caça de 'Star Wars'

11.fev.2020 - Modelo Maveric da Airbus, apresentado no Airshow de Singapura - Edgar Su/Reuters
11.fev.2020 - Modelo Maveric da Airbus, apresentado no Airshow de Singapura Imagem: Edgar Su/Reuters

Kyunghee Park e Anurag Kotoky

Em Singapura e Nova Déli

12/02/2020 08h23

A Airbus apresentou um modelo de jato elegante, semelhante a um falcão, com motores duplos montados na traseira que se encaixaria muito bem em filmes da saga Star Wars.

O modelo de demonstração de dois metros, exibido ontem na Singapore Airshow, possui o chamado corpo de asa mista, projetado para reduzir o consumo de combustível.

A Airbus testou o modelo, chamado de Maveric, em junho do ano passado na França e dará seguimentos aos voos até o segundo trimestre de 2020, disse a fabricante de aviões de Toulouse.

"Precisamos desses demonstradores para avaliar o potencial como projetos viáveis e seguros", disse Jean-Brice Dumont, vice-presidente executivo de engenharia da Airbus. "Precisamos dessas inovações, dessas tecnologias para enfrentar nosso desafio ambiental".

Maveric - Edgar Su/Reuters - Edgar Su/Reuters
Os modelos da Airbus apresentados no Airshow de Singapura: E-Fan X (ao fundo) e Maveric
Imagem: Edgar Su/Reuters

Fabricantes de aviões e companhias aéreas exploram novos projetos para reduzir a queima de combustível e diminuir as emissões de carbono em um clima mais quente. Combinar as asas com a fuselagem para diminuir o arrasto é uma das várias soluções possíveis.

O Maveric tem potencial de reduzir o consumo de combustível em até 20% em comparação com as atuais aeronaves de corredor único e oferece possibilidades para diferentes sistemas de propulsão e designs de cabine, de acordo com a Airbus.

Veja mais economia de um jeito fácil de entender: @uoleconomia no Instagram.

Ouça os podcasts Mídia e Marketing, sobre propaganda e criação, e UOL Líderes, com CEOs de empresas.

Mais podcasts do UOL no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas