PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Expansão de games esconde desafio de lançar jogos em isolamento

Vlad Savov, Takashi Mochizuki, Zheping Huang e Olga Kharif

26/03/2020 16h45

(Bloomberg) -- O setor de jogos experimenta uma expansão sem precedentes, mas, nos bastidores, a pandemia de coronavírus atinge o mercado de US$ 150 bilhões de maneiras sutis, mas significativas. Como com o atraso do desenvolvimento de jogos, espremendo estúdios menores e interrompendo o fluxo de novos games para 2021.

Assim como em outros setores, o Covid-19 varreu o calendário de 2020 com o adiamento de eventos como a Game Developers Conference (GDC) deste mês e o maior de todos, a feira E3, em meados do ano. A série de cancelamentos é especialmente difícil para um negócio que, como a indústria cinematográfica, conta com eventos anuais chamativos para lançar títulos de destaque, conectar editoras e desenvolvedores e elevar o perfil de estúdios independentes que desejam se tornar a próxima Rockstar Games.

Ações de algumas desenvolvedoras de jogos como Nintendo eram negociadas em alta na última semana passada, juntamente com o forte aumento da atividade de jogos devido aos bloqueios impostos por governos no mundo todo. Mas David Amador, que comanda a Upfall Studios, nos arredores de Lisboa, tem uma perspectiva diferente.

"Apesar dos canais de tecnologia e comunicação à nossa disposição, nada supera a reunião presencial", disse Amador. "É um mercado cada vez mais desafiador e poder conversar com os clientes em um ambiente casual e tê-los jogando nossos games ajuda muito."

"Para editores de menor porte ou indies, como eu, uma conversa casual pode levar a grandes coisas", disse Iain Garner, à frente da Another Indie, uma editora de jogos que emprega 12 pessoas em Taipei e na cidade chinesa de Xiamen. Como Amador, Garner conseguiu uma licença de desenvolvimento muito procurada depois de conhecer a pessoa certa na GDC, e o jogo de ação de seu estúdio, Sinner, conseguiu ser incluído no serviço Xbox Game Pass da Microsoft depois de exibi-lo em um estande lotado.

Ele agora planeja usar o orçamento originalmente planejado para feiras em anúncios e trailers on-line. "Não tenho a preocupação de que vamos fechar por causa disso, mas tenho certeza de que sofreremos um impacto no geral", acrescentou.

©2020 Bloomberg L.P.