PUBLICIDADE
IPCA
-0,38 Mai.2020
Topo

FedEx e Microsoft unem forças para competir com Amazon

Thomas Black e Dina Bass

18/05/2020 11h23

(Bloomberg) -- FedEx e Microsoft fizeram uma parceria para fornecer a clientes comerciais de remessas avisos de atrasos causados por condições climáticas, tráfego e outros contratempos. Assim, a empresa de entregas expressas e a fabricante do software ganham mais munição na disputa com a Amazon.com.

O serviço, que usa o software de computação em nuvem da Microsoft, vai proporcionar a grandes e pequenas empresas dados em tempo real para identificar maneiras de melhorar a movimentação de mercadorias.

Por exemplo, uma fabricante de aparelhos médicos pode identificar, por meio do novo serviço FedEx Surround, que uma nevasca pode atrasar o envio de um kit de cirurgia cardíaca para um hospital. Com base na alta prioridade do pacote, a remessa pode ser reencaminhada para garantir que chegue a tempo.

"Muito insight, muita inteligência estão por trás desses dados", disse Raj Subramaniam, diretor de operações da FedEx, em entrevista. "Nosso trabalho em conjunto vai melhorar drasticamente nossa visibilidade e agilidade em toda a cadeia de suprimentos global."

A FedEx, pioneira em digitalizar e rastrear pacotes há mais de quatro décadas, quer atrair clientes comerciais, fornecendo ferramentas que muitas empresas não conseguem desenvolver por si mesmas. Em parte porque as entregas comerciais geralmente envolvem mais de um pacote, o negócio é mais rentável do que o serviço residencial.

O FedEx Surround é o primeiro fruto de uma parceria entre as duas empresas que pode levar a outras iniciativas destinadas a ajudar a FedEx se posicionar como alternativa logística à Amazon para pequenas e grandes varejistas. A FedEx, com sede em Memphis, Tennessee, e a varejista on-line tiveram uma disputa no ano passado e cancelaram contratos de entrega de pacotes terrestres e expressos.

Batalha na nuvem

Para a Microsoft, a colaboração pode ajudar a competir com a Amazon, líder no mercado de infraestrutura em nuvem. A gigante da tecnologia de Redmond, em Washington, tem assinado acordos com grandes empresas para fornecer o software de inteligência artificial e em nuvem da Microsoft para criar programas que automatizam, rastreiam e digitalizam melhor importantes segmentos dos negócios de um cliente.

"Nestes tempos, com as empresas se concentradas em permanecer abertas e competitivas, ter uma cadeia de suprimentos eficiente e capaz é realmente crítico", disse Judson Althoff, responsável pela divisão de negócios comerciais mundiais da Microsoft.

Muitos dos clientes em nuvem da fabricante de software também competem com a Amazon em seus negócios e relutam em ter que pagar a gigante do varejo pela tecnologia necessária para aumentar a eficiência.

O FedEx Surround não terá custo adicional para clientes e será lançado de forma ampla após um programa piloto em meados do ano. A novidade vai usar os serviços em nuvem Azure, da Microsoft, e ferramentas de inteligência artificial, além de software que manipula dados de dispositivos como scanners e sensores da FedEx.

©2020 Bloomberg L.P.

Economia