Bolsas

Câmbio

Argentina recebe positivamente anúncio de juiz sobre pagamento de dívida

Buenos Aires, 20 fev (EFE).- O chefe de gabinete do governo da Argentina, Marcos Peña, disse neste sábado que o Executivo de Mauricio Macri recebeu "positivamente" o anúncio do juiz de Nova York a cargo do litígio sobre a dívida de que suspenderá a proibição de efetuar pagamentos a credores se várias leis forem revogadas.

"É um bom passo nesse caminho que estamos trabalhando junto ao juizado de (Thomas) Griesa e do mediador (Daniel) Pollack para tentar destravar esta situação que nos deixaram e que permitiria à Argentina terminar de normalizar sua relação com o mundo", declarou Peña à emissora de rádio "Mitre".

No entanto, o chefe de ministros pediu "cautela" e advertiu que é uma "negociação complexa", sobre um tema que é necessário resolver e que "se inflamou muito" durante os governos kirchneristas.

No meio das negociações entre o Executivo argentino e os fundos especulativos que não aceitaram a reestruturação da dívida, o juiz Griesa se mostrou nesta sexta-feira a favor de suspender as medidas cautelares que impedem que a Argentina pague os demais credores no exterior até que não cumpra a sentença favorável aos querelantes.

A condição que o magistrado pede em troca é que o Congresso argentino revogue a Lei de Pagamento Soberano e a Lei do Ferrolho, aprovadas durante o kirchnerismo e que representam um obstáculo legislativo ao cumprimento da decisão de Griesa.

O magistrado pediu também à Argentina que pague os fundos com os quais já obteve um acordo até o próximo dia 29 de fevereiro, como outra das condições para suspender os embargos que mantêm o país em moratória seletiva e facilitar assim seu retorno aos mercados financeiros.

Peña destacou que o governo está "otimista" a esse respeito, apesar de não contar com maioria no Congresso, porque vem conversando com os grupos parlamentares e a proposta tem "muito boa recepção, em geral", uma vez que há uma "compreensão bastante generalizada que este assunto precisa ser resolvido".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos