Microsoft e Google chegam a acordo para retirar queixas regulatórias

San Francisco, 22 abr (EFE).- Microsoft e Google anunciaram nesta sexta-feira que decidiram retirar as queixas regulatórias pendentes entre elas no mundo inteiro, algumas abertas há anos.

"Nossas empresas competem energicamente, mas queremos fazer isso em função da qualidade de nossos produtos e não em procedimentos legais", afirmou em comunicado um porta-voz do Google, que acrescentou que ambas as companhias "decidiram retirar as queixas regulatórias" pendentes.

Um porta-voz da Microsoft afirmou que a decisão de retirar as queixas abertas contra o Google demonstra "as prioridades em transformação" da empresa.

"Continuaremos a competir energicamente pelos clientes e por fração de mercado", afirmou o porta-voz.

O anúncio reflete a cordialidade entre o atual CEO da Microsoft, Satya Nadella, e o do Google, Sundar Pichai, ambos de origem indiana. Seus antecessores, Steve Ballmer (Microsoft) e Eric Schmidt (Google) mantiveram uma relação muito mais tensa.

Microsoft e Google retiraram no ano passado os litígios pendentes por patentes entre ambas as empresas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos